20 abril 2008

Estômago

Domingo chuvoso de feriado prolongado, sem nada pra fazer, e uma amiga me liga para ir assistir um filme. A escolha da noite foi "Estômago".

Assim que saí da sessão enviei minha nota para o Twitter: 5

Conforme comentei por lá, achei o filme bem mediano mesmo. Não é ruim não, é bem feitinho, tem um roteiro interessante, mas simplesmente não empolga, não instiga, não gera aquela expectativa.

E olha que ainda foi um tremendo feito do filme o fato de eu considerá-lo "bom", pois ele contém várias coisas que têm me incomodado muito justamente pelo fato de estarem em 9,5 de cada 10 filmes brasileiros: pobreza, cadeia, vulgaridade (no linguajar ou no visual mesmo). (Nada contra esses temas ou esse estilo, mas dá pra mudar só um pouquinho?)

Pontos altos do filme

  • o ator João Miguel, que está excelente no papel do paraibano Raimundo Nonato (personagem principal da trama)

  • a atriz Fabiula Nascimento, que desempenha incrivelmente o papel de uma prostituta (Iria) que tem um prazer em comer que transborda da tela



Pontos baixíssimos do filme

  • a atuação de Carlo Briani, que me pareceu extremamente forçada

  • a trilha sonora, que basta dizer que me lembrou daquelas trilhas tosquíssimas que tocavam nos filminhos bem mais ou menos que passavam no Cine Privé (aquele programa da Band, lembram?)



Então, no geral, o filme foi Ok. Apenas isso. Nem mais, nem menos.

Pra quem já viu, o que vocês acharam do filme? (pra quem não viu, vá ver e depois me conte, mesmo que seja para discordar de tudo que eu disse... rs)

6 comentários:

Tiê Lima disse...

Leonardo,
Rapaz, o cinema sobre miséria, cadeia e a nova "chanchada". Acharam a fórmula. Concordo o filme não é de todo bom nem de todo mal, mas isso não é culpa desse filme. Mas parece que a receita ta tão manjada, que sabemos o gosto que vamos sentir ao assistir filmes assim.
Meu ponto alto foi: Espaguete a "Puta Vesga".
Abs

Léo disse...

@tiê: Pois é, cara... tenho exatamente a mesma sensação que você. Esse cinema é a nova "chanchada". Dá audiência falar desses assuntos? Repercurte na mídia? Então vambora falar e falar e falar deles.

E o Espaguete a "Puta Vesga" foi genial mesmo... hahaha

Valeu pelo comentário!

Abs,
Léo

Violet Scott disse...

Eu não vi o filme e achei o trailler muito ruim. Acho que o João Miguel já ficou marcado, o que me cansa um pouco.

Quem sabe quando sair no dvd!

Beijo

Léo disse...

@violet: Excelente pedida... espere pelo DVD, que o filme não vale tão a pena para ver no cinema mesmo... :)

Beijosss,
Léo

aline disse...

Nunca ouvi nem falar desse filme.
Depois do seu comentário nem me deu vontade de ver... não estou a fim de ver vulgaridade linguajar ou visual, tão comum nos filmes brasileiros.

Léo disse...

Oi aline!

Como você bem disse, isso é algo "tão comum nos filmes brasileiros" que acaba depreciando a qualidade do filme.

Espero que o próximo que eu assistir seja muito bom para eu poder recomendar... rs

Muito obrigado pelo comentário! :)

Beijos,
Léo